Saúde

mundo

Hospital UTI Covid continua sem aparelho de diálise e Mário Júnior providencia UTI aérea para paciente grave

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Foto arquivo. UTI aérea em 16 de maio no aeroporto de Paulo Afonso. Foto: PA4.COM.BR

Dois meses após um paciente ser removido da UTI do Hospital Covid-19 de Paulo Afonso para uma UTI em Salvador, neste domingo (12), outro paciente está precisando urgentemente ser levado para outra unidade por falta do equipamento para tratamento de hemodiálise.

Trata-se de uma mulher de 44 anos com comorbidades (obesidade, hipertensa e diabética). Ela está há seis dias internada na UPA (Hospital UTI Covid de Paulo Afonso) e também é de Glória (BA), mesma cidade do primeiro paciente que foi removido em 16 de maio numa UTI aérea para o Hospital do Subúrbio de Salvador, infelizmente 18 dias depois ele veio a óbito.

Agora há pouco, o deputado federal Mário Negromonte Júnior (PP) publicou em uma rede social que está providenciando a remoção da mulher junto com o prefeito de Glória, David Cavalcanti. E assim como fizeram há dois meses com o primeiro paciente, a senhora também será transferida numa UTI aérea: “Paciente com COVID (em estado grave) do município de Glória já está regulada para o Couto Maia em Salvador e aguardando o Plano de voo da UTI aérea. Eu e o Prefeito @davidcavalcanti_11 já estamos em contato como Gov. @ruicostaoficial para acelerar a transferência.”, informou o parlamentar.

Hospital UTI Covid-19 de Paulo Afonso sem aparelho de hemodiálise

Mário Júnior lembrou que recentemente destinou mais de meio milhão de reais de suas emendas para serem aplicados no combate ao novo coronavírus em Paulo Afonso (veja aqui aqui). O deputado lamentou o fato da prefeitura ainda não ter dado prioridade à compra do importante equipamento:

“Lamento que o município de Paulo Afonso ainda não tenha comprado o equipamento, e que nas minhas emendas não tenha sido cadastrado para a compra, ou ao menos firmado algum convênio com a iniciativa privada. O paciente que tenha esse comprometimento renal pode ser salvo com esse aparelho, e não é o primeiro caso, outros pacientes de Glória e de Paulo Afonso já tiveram o mesmo problema e chegaram a falecer por falta desse equipamento. É um apelo que eu faço ao município para adquirir esse equipamento ou faça o convênio, mas eu vou pedir mais uma vez ao governador que possa disponibilizar aqui para Paulo Afonso já que o município não está fazendo a parte dele.”

No dia 16 de maio, logo que soube da ausência do equipamento, o deputado Negromonte Júnior oficializou ao governador Rui Costa (PT) o pedido do referido aparelho para o Hospital de Urgência Covid de Paulo Afonso/BA:

O hospital referência para tratamento da pandemia da região de Paulo Afonso foi inaugurado e não possui esse equipamento. Neste exato momento temos um morador de Glória/BA, diagnosticado e internado no hospital Covid em respiração mecânica necessitando urgentemente fazer diálise. Por tanto caro governador, solicito vossos préstimos no sentido de destinar um aparelho Osmose Reversa Portátil o hospital Covid de Paulo Afonso.”, escreveu naquela oportunidade por meio do ofício nº 0088/2020.