Cultura

mundo

Caetano, 78 anos: Gal Costa é a principal intérprete da obra do artista

Cantora que deu voz a hits como "Baby", "Divino Maravilhoso" e "London London" aparece no topo do ranking, segundo levantamento do Ecad

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Foto : Reprodução

Ao longo de quase 60 anos de carreira, Caetano Veloso, aniversariante desta sexta-feira (7), escreveu centenas de canções que habitam o imaginário brasileiro, muitas delas gravadas por outros artistas. Um levantamento divulgado hoje pelo Escritório Central de Arrecadação e Distribuição (Ecad), órgão que cuida da arrecadação de direitos autorais, aponta que Gal Costa é a cantora que mais gravou músicas compostas por Caetano, até o momento.

Entre as canções imortalizadas por Gal Costa, estão hits como “Baby”, “Divino Maravilhoso” e “London London”, entre o final dos anos 60 e início dos 70. Mais tarde, Gal ainda gravou outros sucessos, como “Tigresa”, “Meu Bem, Meu Mal”, “Vaca Profana” e muitas outras composições de Caetano.

Em seguida, na lista do Ecad, aparecem os também baianos Maria Bethânia, sua irmã, e Gilberto Gil, que formaram com ele o grupo Doces Bárbaros, na década de 1970. Completam a lista dos cinco principais intérpretes Maria Gadú e Milton Nascimento.

Entre as músicas de Caetano mais gravadas por outros artistas, “Baby” lidera a preferência. Também fazem parte desta lista canções como “Sampa”, “A rã” (parceria com João Donato), “Você é linda” e “Força estranha”.

O levantamento ainda aponta que “Sampa” foi a música do artista mais tocada entre os anos de 2015 e 2019.  Em seguida, se destacaram “Você é linda”, “Você não entende nada”, “Linha do equador”, composta em parceria com Djavan, e “O leãozinho”.

O ranking do Ecad considera as execuções públicas (Rádio, Sonorização Ambiental, Casas de Festa e Diversão, Carnaval, Festa Junina, Show e Música ao Vivo) no período de 2015 a 2019.