JUSTIÇA

mundo

Mais de 8 mil eleitores voltam às urnas no domingo para eleger prefeito de Campo Grande, Alagoas

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Nova eleição vai ser realizada para prefeito e vice-prefeito de Campo Grande, Alagoas — Foto: Reprodução/TV Gazeta

A eleição suplementar em Campo Grande, agreste de Alagoas, deve levar de volta às urnas 8.446 eleitores para escolher o prefeito e vice-prefeito da cidade no próximo domingo (12). O novo pleito foi determinado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) em dezembro de 2020 após o pleno indeferir o registro de candidatura de Arnaldo Higino (PP), prefeito reeleito no município, por improbidade administrativa.

Segundo o Tribunal Regional Eleitoral de Alagoas (TRE-AL), serão quatro locais de votação e 27 seções eleitorais que funcionarão seguindo as regras sanitárias de combate à Covid-19. O uso de máscaras é obrigatório e as aglomerações dentro e nas proximidades dos locais de votação estão proibidas.

A votação acontecerá das 7h às 17h. Idosos, gestantes e pessoas com dificuldade de locomoção terão prioridade nas filas.

Não haverá a identificação biométrica também por causa da pandemia. Por isso, os eleitores devem comparecer para votar portando documento oficial com foto (identidade, carteira de trabalho ou passaporte) e uma caneta para a assinatura no caderno de votação.

Mais de 400 policiais, de todas as forças de segurança do estado, vão atuar no plano integrado de segurança durante o pleito eleitoral.

Auditoria das urnas eletrônicas

Durante a eleição suplementar haverá auditoria de funcionamento das urnas eletrônicas e de verificação de autenticidade e integridade dos sistemas nelas instalados. É a primeira vez que isso será feito em Alagoas.

Uma comissão formada por representantes do TRE-AL, do Ministério Público Federal (MPF-AL) e Ordem dos Advogados do Brasil seccional Alagoas (OAB/AL) vai acompanhar todos os trâmites da eleição e publicar um relatório completo ao fim do pleito.

O Núcleo Permanente de Combate à Desinformação do TRE-AL colocou à disposição um número para denúncias sobre notícias falsas na região. O telefone (82) 99844-0408 estará disponível tanto para o recebimento de mensagens tanto através do Whatsapp quanto para ligações, das 8h às 22h, até a data da eleição.