ALAGOAS

mundo

Governador Renan Filho anuncia novo Decreto com retorno de aulas para adultos em Alagoas

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

O governador de Alagoas, Renan Filho, anunciou na tarde desta quarta-feira (21) um novo decreto para o estado, dentro do Plano de Distanciamento Social Controlado, autorizando o retorno das aulas presenciais para adultos em todos os segmentos, incluindo cursos superiores, de línguas e profissionalizantes, a partir da próxima segunda-feira (26).O chefe do executivo anunciou que o Decreto será publicado nesta quinta-feira (22) e disse que, a partir desta medida, é que vai ser avaliado o retorno das aulas para jovens e crianças. “Vamos verificar o impacto desse retorno para darmos os próximos passos. As crianças têm menos condições de discernir sobre as medidas de distanciamento. Se não houver fatos novos com esse retorno da educação para adultos, nós vamos dar outros passos, no sentido de buscarmos uma nova normalidade para o ano vindouro”, explicou Renan Filho. O governador disse ainda que o novo decreto vai oferecer a possibilidade dos prefeitos autorizarem ou não a volta às aulas para os adultos. “O decreto facultará aos municípios participarem dessa decisão. O prefeito que achar que a educação de adultos não deve retornar no seu município, vai entrar em contato comigo e com o secretário de saúde, Alexandre Ayres”, enfatizou.O novo decreto também vai permitir o retorno de atividades coletivas esportivas em academias e ao ar livre.

O secretário do Gabinete Civil, Fábio Farias, destacou que os decretos foram sempre resultado de uma ação conjunta. “Nossos decretos e decisões foram sempre de muito equilíbrio, de muita calma, sempre estabelecendo como princípio o cuidado. [Desta vez] Estivemos com o sindicato da rede privada, com o conselho estadual de educação, diretores de várias escolas e com o secretário de educação, Fábio Guedes. Baseado nessas conversas, juntamente com a opinião dos técnicos da saúde, é que o governador Renan Filho anuncia esse avanço na educação”, disse Fábio Farias.

Ao mostrar os dados das últimas semanas epidemiológicas, o governador destacou que este mês de outubro está sendo o de menor número de mortes desde abril. “Isso é muito significativo. Nossa taxa de letalidade está estabilizada e a razão de casos ativos por casos recuperados está se aproximando de zero”, pontuou.

“A Taxa de ocupação de leitos com respirador chegou a ficar acima de 80% e hoje essa taxa está oscilando há vários dias, desde o início de outubro, em torno de 20%, o que significa dizer que hoje nós temos condições de oferecer leitos às pessoas caso seja necessário”, disse Renan Filho.

Ainda de acordo com ele, a taxa de ocupação dos leitos gerais, que é a  soma de leitos com respirador mais leitos clínicos, chegou a 70% durante o pico da pandemia e hoje está em 15%.

Apesar dos indicadores mostrarem bandeiras verdes, o estado continua na Fase Azul. “Vamos dar alguns passos necessários antes de ir para a área verde. Vamos avançar mais na área azul”, disse Renan Filho.

Vacinação

Questionado sobre a opinião com relação às recentes declarações do Governo Federal, sobre a compra ou não da vacina chinesa, o governador de Alagoas afirmou que vacina não deve ter nacionalidade, deve dizer se funciona ou não funciona. “Independentemente de onde ela foi produzida, se funciona deve ser administrada à população. E deve ter vacina para todo mundo, especialmente para as pessoas do grupo de risco. Deve sair de ideologia para ir para o pragmatismo”, colocou Renan Filho.

Ele disse ainda que o estado não deve obrigar ninguém a tomar vacina, mas deve orientar, recomendar. “Se tiver essa vacina, eu serei o primeiro a tomar e vou recomendar à população”, respondeu o gestor.

Retorno das visitas no Sistema Prisional

O governador anunciou também que, após 8 meses de paralisação, o sistema prisional deve autorizar no fim deste mês o retorno das visitas nas unidades. Todos os detalhes serão dados posteriormente pelo secretário de ressocialização e inclusão social, Marcos Sérgio de Freitas.

Veja como foi: